Argumentos

Postado por Káris , 08 dezembro 2010 16:56

Carlos: é... o diabo na rua, no meio do redemoinho
mas, na boa, a vida é foda pra todo mundo. O único jeito de não sofrer é não querer nada
A partir do momento em que vc deseja, quer alguma alteração no estado de coisas, vc vai sofrer

Priscila: e aí?

Carlos: o q?

Priscila: vou sofrer pra me controlar pra não querer NADA
ou vou sofrer pra ter alguma coisa e se possível consegui-la
i choose the 2nd

Carlos: eu quero ver se tento a primeira
pq na segunda vc sempre vai querer outra coisa e outra coisa
na primeira, quando vc conseguir a coisa que quer, que é não querer nada, vc pode estabilizar

Priscila: hahahaa
faz sentido.... acho q eu vou ficar com querer menos

Carlos:
"Quer pouco: terás tudo. Quer nada: serás livre."

Longboard Girls Crew

Postado por Káris , 08 novembro 2010 12:38



Esse aqui definitivamente entrou pra lista do Anyofthesedays

Sol, sk8tão e ruas livres =D


via UpdateOrDie

A favor da publicidade infantil

Postado por Káris , 07 novembro 2010 12:26

_

Antes de ler minha opinião, conheça a campanha:



Se você já foi criança, deve se lembrar que o brinquedo mais legal é sempre o que o coleguinha está usando e é reação natural de uma criança querer ter aquilo (ou tomar) pra se divertir tanto quanto o outro.

Nessa fase os pais vêm ensinar a compartilhar, vêm mostrar que se divertir junto é melhor que ter para si e brincar sozinho.

A criança deve receber educação em relação ao dinheiro e ao consumo consciente da mesma forma que recebe sobre egoísmo e solidariedade, sobre fazer o bem, sobre todos os valores que vão construir um adulto com idéias e personalidade sólidas, bem estruturadas.

Satisfazer o desejo de uma criança quando nem mesmo os pais tem condição de pagar por aquilo, mostra uma fragilidade dos pais e guia a criança para o mesmo caminho.

Acabar com a publicidade infantil não vai resolver o problema do desejo, que como qualquer necessidade e instinto, precisa ser administrado. E-DU-CA-DO.

A gente não sabe como é crescer vendo que tudo passa cada vez mais rápido. Há sempre algo novo pra se conhecer e o que se tem, desatualiza rápido demais. Os valores pós modernos (supervalorização do novo, consumo descartável, satisfação imediata, relações voláteis, etc.) estão muito mais fortes e evidentes hoje do que 20 anos atrás, quando a nossa geração crescia.

Se você também não concorda com o caminho que a sociedade está tomando então vamos falar de contra cultura, de dar valor ao que realmente importa, sobre fortalecer o núcleo familiar pra que isso se reflita na projeção maior. Não se tem tudo o que se quer na vida. Não é o ter muitas coisas que faz alguém se sentir completo. Isto está sendo ensinado?

O êxito da publicidade depende da confiabilidade.

A publicidade infantil é feita para atrair a atenção da criança (música, cores e símbolos) e ao mesmo tempo a confiança dos pais no produto (dizeres e instruções). A publicidade já é feita direcionada para os pais, pois são eles que efetivam a compra do mais novo tênis Hot Wheels, do McLanche Feliz, do telefone celular das princesas da Disney.

O CONAR é o Código Nacional de Autorregulamentação Publicitária. Foi criado espontâneamente pelos publicitários para adotar normas éticas, iniciar o controle da atividade e servir de referência para que o Legislativo brasileiro crie norma específica sobre o tema. O que não foi feito até hoje.

Quando a lei for criada delimitando a atuação da propaganda aí sim o poder Judiciário irá fiscalizar, avaliar e aplicar as penalidades devidas à propaganda antiética em todas as suas formas.

O art. 37 do CONAR(na íntegra abaixo), fala amplamente sobre a publicidade infantil e defende a natureza inocente da criança. Se a propaganda está errada então as organizações da sociedade civil têm que denunciá-las uma a uma, exigir postura diferente do anunciante ao invés de querer VETAR a publicidade infantil.

Se você não sabe como denunciar alguma propaganda que julga imprópria, basta procurar o SINAPRO - Sindicato das Agências de Propaganda - do seu estado, ou a Associação Brasileira das Agências de Propaganda - ABAP. As propagandas que receberem denúncias serão avaliadas por uma comissão e se consideradas ofensivas ao que consta no CONAR, a veiculação das peças será suspensa.

Ainda não há legislação, mas existe o instrumento que deve ser usado.



VETAR NÃO É A SOLUÇÃO



Outra proposta inapropriada de controle: OAB se posiciona contra conselhos de comunicação


ÍNTEGRA DA NOVA SEÇÃO 11 DO CÓDIGO BRASILEIRO DE AUTO-REGULAMENTAÇÃO PUBLICITÁRIA

SEÇÃO 11 – CRIANÇAS E JOVENS

Artigo 37Os esforços de pais, educadores, autoridades e da comunidade devem encontrar na publicidade fator coadjuvante na formação de cidadãos responsáveis e consumidores conscientes. Diante de tal perspectiva, nenhum anúncio dirigirá apelo imperativo de consumo diretamente à criança. E mais:

I – Os anúncios deverão refletir cuidados especiais em relação à segurança e às boas maneiras e, ainda, abster-se de:

a) desmerecer valores sociais positivos, tais como, dentre outros, amizade, urbanidade, honestidade, justiça, generosidade e respeito a pessoas, animais e ao meio ambiente;
b) provocar deliberadamente qualquer tipo de discriminação, em particular daqueles que, por algum motivo, não sejam consumidores do produto;
c) associar crianças e adolescentes a situações incompatíveis com sua condição, sejam elas ilegais, perigosas ou socialmente condenáveis;
d) impor a noção de que o consumo do produto proporcione superioridade ou, na sua falta, a inferioridade;
e) provocar situações de constrangimento aos pais ou responsáveis, ou molestar terceiros, com o propósito de impingir o consumo;
f) empregar crianças e adolescentes como modelos para vocalizar apelo direto, recomendação ou sugestão de uso ou consumo, admitida, entretanto, a participação deles nas demonstrações pertinentes de serviço ou produto;
g) utilizar formato jornalístico, a fim de evitar que anúncio seja confundido com notícia;
h) apregoar que produto destinado ao consumo por crianças e adolescentes contenha características peculiares que, na verdade, são encontradas em todos os similares;
i) utilizar situações de pressão psicológica ou violência que sejam capazes de infundir medo.

II – Quando os produtos forem destinados ao consumo por crianças e adolescentes, seus anúncios deverão:

a) procurar contribuir para o desenvolvimento positivo das relações entre pais e filhos, alunos e professores, e demais relacionamentos que envolvam o público-alvo;
b) respeitar a dignidade, a ingenuidade, a credulidade, a inexperiência e o sentimento de lealdade do público-alvo;
c) dar atenção especial às características psicológicas do público-alvo, presumida sua menor capacidade de discernimento;
d) obedecer a cuidados tais que evitem eventuais distorções psicológicas nos modelos publicitários e no público-alvo;
e) abster-se de estimular comportamentos socialmente condenáveis.

Parágrafo 1º Crianças e adolescentes não deverão figurar como modelos publicitários em anúncio que promova o consumo de quaisquer bens e serviços incompatíveis com sua condição, tais como armas de fogo, bebidas alcoólicas, cigarros, fogos de artifício e loterias, e todos os demais igualmente afetados por restrição legal.

Parágrafo 2º O planejamento de mídia dos anúncios de produtos de que trata o inciso II levará em conta que crianças e adolescentes têm sua atenção especialmente despertada para eles. Assim, tais anúncios refletirão as restrições técnica e eticamente recomendáveis, e adotar-se-á a interpretação mais restritiva para todas as normas aqui dispostas.

Nota: Nesta Seção foram adotados os parâmetros definidos no art. 2º do Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/90): “Considera-se criança, para os efeitos desta Lei, a pessoa até doze anos de idade incompletos, e adolescente aquela entre doze e dezoito anos de idade”.

Trecho retirado 7/11/2010 de:http://www.aba.com.br/doc/conar.pdf

Em comum

Postado por Káris , 01 novembro 2010 10:09

Fui surpreendida por um bom fim de noite ontem =)

Aprendi que devemos sempre deixar portas abertas, entrar e sair em paz de qualquer lugar, por isso tenho algum contato com todos profissionais com quem já trabalhei. Amigos, colegas e aqueles que nem chegaram a isso.

De um desses colega de profissão, com quem trabalhei por umas 2 semanas, e apenas por telefone - enquanto eu saía da agência ele já trabalhava antes de começar - eu tenho o msn, twitter e fb. Ele é um bom redator e frequentemente tem alguma coisa interessante pra dizer.

Ontem eu roubei um título dele e logo em seguida fui flagrada no msn! Aí fui "pedir" autorização.. *cara de pau* =D

De uma pick up line descomprometida a conversa rolou solta até meia noite. Ele mochilou a América do Sul, aventura que eu e a Elisa sonhamos em fazer, tem fotos fantásticas e histórias que eu quero ver pra crer... any of these days...

Música pra correr I

Postado por Káris , 31 maio 2010 10:26

Semana passada completei o 1º mês na academia.
Uma coisa é certa: a motivação vem de dentro, vem da sua vontade de mudar. O apoio externo é um complemento!
Aqui em casa esse apoio tem vindo do meu pai =)
Agora o que realmente me motiva durante os exercícios é a música! Eu sou viciada em música, tô sempre ouvindo alguma coisa, pensando ou cantando alguma coisa.. Mania típica da nossa geração! Por mais que os walkmans já fossem populares e acessíveis no final dos anos 80, duvido que houvesse tantos music-ads que nem hoje.
Voltando ao assunto, trouxe hoje uma parte da minha playlist de corrida e uma parte da de recuperação: pra quem tá começando aguentar correr meia hora, é ideal intercalar corrida com caminhada, por isso 1 tem músicas agitadas e a outra tem músicas mais tranquilas (não tão tranquilas, tem que manter o pulso!), ambas com 1h de duração. Pra correr e pra malhar eu gosto de ouvir rock e música eletrônica, foi naturalmente por onde eu comecei as listas. Quando eu entrar em "férias" semana que vem vou poder ampliar e variar mais no estilo. Hope you enjoy =]

RUNNING PLAYLIST I
1- Road Runner - Aerosmith
2- Red Alert - Basement Jaxx
3- Are You Gonna be my Girl - Jet
4- The Rockefeller Skank - Fatboy Slim
5- Do Your Thing - Basement Jaxx
6- Beating Hearts Baby - Head Automatica
7- Lucky Star - Basement Jaxx
8- Breathe - Prodigy
9- All my life - Foo Fighters
10- Firestarter - Prodigy
11- Invaders Must Die - Prodigy
12- Take it or leave it - Jet
13- Black Smoke - Prodigy
14- Right Round - Flo Rida
15- Pump it - Black Eyed Peas
16- Toxic - Britney Spears - é isso mesmo!!

CATCH YOUR BREATH PLAYLIST
1- Time to Pretend - MGMT
2- Strawberry Swing - Coldplay
3- Praise You - Fatboy Slim
4- Crazy Little Thing Called Love - Queen
5- Take Back The City - Snow Patrol
6- Short Skirt, Long Jacket - Cake
7- U Don't Know Me - Basement Jaxx
8- Don't Stop me Now - Queen
9- Viva La Vida - Coldplay
10- That's not my name - The Ting Tings
11- Addicted to Bass - Puretone
12- Under Pressure - Queen
13- I'm Gonna Leave You - Nina Simone
14- 1, 2, 3, 4 - Plain White T's
15- Please Just Take These Photos From my Hands - Snow Patrol
16- My Baby Just Cares for me - Nina Simone

Now chill out.... =]

P.S.: Intercale as listas mais ou menos de acordo com o tempo de corrida e descanso. Deixe um tempo maior pra dar aquele gás (e descontar o stress na esteira/pista) com uma sequência maior como as músicas em negrito.


Osgêmeos

Postado por Elisa* , 10 maio 2010 19:25







Visitei a exposição Vertigem, CCBB Brasília. Os gêmeos idênticos grafiteiros são MUITO bons. Sabe aquela sensação boa de inspiração? De querer fazer muitas coisa? De brincar? Fazer colagem, montagem, arte? Foi o que eles provocaram em mim.
Maravilhoso entrar nesse mundo... Reparem as caixonas amarelas com rostos. Você entra e se encontra no cabeção. É proibido fotografar, mas achei em blogs de pessoas corajosas e desobedientes essas que postei.
Faça um favor ao seu eu lírico, conheça, urgente!

Brindes da Semana - Mães e Shoppings

Postado por Elisa* , 04 maio 2010 18:50


No dia das mães os shoppings cansam de tanto vender, a maioria prepara algo especial para incentivar as vendas e fidelizar clientes. Não se enganem, ninguém pensa: Vamos sortear carros, todos comprarão aqui! É bem mais que isso... Na verdade, o consumidor sabe bem, só não para para refletir. O que te leva a comprar algo em algum lugar?

Promoções e brindes são incentivadores. Ambiente divertido ou tranquilo. Variedade, comodidade, praticidade. Glamour, gente bonita, atendimento personalizado. Preço baixo, justo, não importa o preço. Coisas básicas, coisas diferentes. Quero passear, comer, e comprar. Tenho que comprar e me mandar! São tantas situações e "quereres". Depende sempre do perfil do cliente.

Nos shoppings de Brasília: http://www.finissimo.com.br/vitrine/2010-05-05/
Resumindo:
- Compra X e ganhe um presente.
- Compra e concorre.
- Show com entrada livre.

Qual você gostou mais? Vota na enquete ao lado!

Eu ganhei do Brasília e do Terraço. São uma gracinha, mas meu perfil de cliente me leva a nenhum dos shoppings. Comprei um cachorrinho pra minha mãe. Já tinha comentado até. Infelizmente ela morreu... Conversa pra outro post.

Vila do Chaves

Postado por Elisa* 00:04

Cuidado ao tomar vacina antigripal, você poderá ficar fortemente gripado. Estou podre. Mas o fim de semana foi salvo com a festa de 10 anos da Lú. Luiza é minha afilhada, prima, vizinha e amiga. Uma garota esperta, carinhosa, resolvida e às vezes parece uma "Menina Maluquinha" - com a cabeça nas nuvens. Queridona, madrinha te ama pra chuchu!



A vila do Chaves compareceu na festa da Cleópatra.








Coisas simples da vida

Postado por Káris , 03 maio 2010 18:03

Contrariando a vida monótona de quem presta concursos, tive uma semana cheia de eventos marcantes! Comecei cumprindo uma resolução de ano novo de... 2007.

Entrei na academia!!

Se você acha que essa é a mesma conversa de todo sedentário crônico, que em 15 dias vai abandonar tudo, está enganado. Meu lema é perseverança! E olha, se buscar por saúde não é motivo suficiente, saiba que fazer exercício libera serotonina! Eu vou ficar mais saudável e de bem com a vida! Mas no dia seguinte parecia que eu tinha passado por um moedor de carne... que dor! Como dizia uma certa treinadora de kung fu: Pain is your friend, learn to live with it!

Cupcake de framboesa. Um dia ainda faço um melhor que esse.

Se a Elisa ainda não postou nada até hoje, ela com certeza está esperando eu comentar sobre o meu aniversário. Pois é, semana passada completei 24 anos! Isso quer dizer que esse é o último ano em que eu vou usar minissaia qualquer hora por ai, e que ano que vem não vai bastar comprar uma caixa de mini-velinhas pro bolo, a não ser que até lá criem uma caixa de 25 unidades.

Logo cedo bateu aquela crise "o que eu tô fazendo com a minha vida" e pra variar acabei pensando nisso mais que o que deveria... ao som de Aretha Franklin today I sing the blues. Até que vovó me ligou! Chorei que nem uma besta. É ela quem aparece nessa foto em sépia no meu perfil. =)

Amigos também me ligaram durante a tarde: "vamo tomar sorvete no outback?!" *imprevisto técnico* eles interrompem o serviço às 15h e só reabrem as 18h, pro happy hour.Até quem tinha compromisso aceitou esticar um pouco o horário pra gente ficar um tempo a mais juntos! Ter um amigo assim é um presente pra vida! Quem dirá amigas!!
Ah, e estando entre amigos, qual a preocupação?! Não falta assunto pra colocar em dia e sobram risadas, até quando o motivo é trágico =X mas a gente só ri pq já terminou tudo bem.... =)
Aproveitamos a conveniência de chegar no happy hour pra aproveitar a dose dupla! Eu fui de Brazilian Beach Cocktail: suco de cranberry, kiwi, morangos e vodka. #Recomendo
Ganhei muitos presentes! digam o que quiserem, mas....

COMO É BOM GANHAR PRESENTE!!!!

Blusinhas lindas que já estreei no final de semana, gorgeous red shoes....

Make da MAC, do meu irmão que quer me deixar "mais gata ainda" hahaha!! Gloss MACH 25 e uma sombra em creme super versátil! Depois atualizo confirmando a cor, mas ela não tem cor sólida e é um perolado neutro que combina com qualquer tom forte pra compor o look.

O super livrão Como passar em provas e concursos, do William Douglas, pra me ajudar aprender a estudar, me motivar nessa longa batalha, e ser melhor em qualquer coisa que eu fizer! Ainda tô no começo e já vi que é muito bom. Comecei no final de semana com um marcador e um lápis e ja fui comentando sem dó, como se só eu fosse usá-lo durante toda sua vida útil =D Qualquer dia trago coisas legais dele pra cá.

A parte II da comemoração, no UK Brasil ao som da banda zero10, também foi DEMAIS!!! Muito bem acompanhada, ganhei parabéns no meio do show, 1 música do MUSE, 2 do Foo Fighters e umas 15 outras pra dançar "pulando que nem uma pulga", hehehehe pois é, foi assim que me descreveram =D

A verdade é que nada disso tem valor sem a presença dos amigos. Obrigada a Deus, que me lembra que é Nele que tenho que confiar, entregar as minhas preocupações e descansar, com a paz que só Ele dá! Obrigada a todos que mandaram mensagem (me chamando de velhota =P ), me ligaram e mesmo sem combinar nada antecipadamente, vieram me encontrar! Amo vocês demais.

É engraçado porque justo o aniversário em que eu não me preocupei em preparar nenhuma comemoração, aproveitei mais do que muita festa que já fiz!

Obrigada =)


PS.: adoro lua cheia no meu aniversário!!!

Alô, Van Gogh?

Postado por Elisa* , 29 abril 2010 05:40

É ridículo, mas pensei no Van Damme escrevendo o título do post. Minha curiosidade me levou a pesquisar a biografia de ambos os Van's. Damme é de Bruxelas, Gogh estudou anatomia e perspectiva lá. Só isso! É óbvio o quanto são opostos, o que me chamou mais atenção foi o sucesso. A vida de Van Gogh foi conturbada, recheada de fracassos. Ele foi reconhecido depois de morrer, já Van Damme é famoso e rico! Como tratamos nossos gênios? É de doer o coração, mas é fato. Quantos você conhece preferem valorizar um ser marombado que teve a vida totalmente direcionada à preocupação com o corpo e virou estrela hollywoodiana a outro ser artista, louco? É simples, um marombado é muito mais "digerível". Como pode o Rebolation fazer tanto sucesso e aquele músico brilhante trabalhar como professor e ganhar miséria? Desvalorização!!!


Ok, chega de revolta por hoje.


Comprei adesivos por 30 centavos de dólar australiano. A função comercial desses era decorar lateral de fichários (aqueles pretos feios que com o tempo estragam o fecho inevitavelmente). Adoro pechincha! Foi a felicidade da semana quando os achei nas áreas de compra por impulso (eram caixotes postos grudados no Caixa, com os produtos jogados) numa loja que trabalhei - Officeworks. De volta ao Brasil reencontrei meu quarto sem telefone, fussei nos cantos de coisas abandonadas (para conserto ou doação) e achei um funcionando! Tive a brilhante idéia de customizar meu aparelho amarelado. Foi felicidade pura até descobrir que não poderia ser plena: depois de tanta colagem o telefone parou de funcionar.


Fiquei me achando muito, mas ficou bacana, né? Será que vão começar a produzir isso em larga escala? Podem me contratar para consultoria. Prometo que terei um engenheiro para acompanhar o projeto.


Beijo!

Priscila

Postado por Elisa* 04:09


Ops, passou o aniversário da Pri, já são mais de zerohora. Mas ainda vale um recadinho...
Ela ganhou coisas legais, vai mostrar por aqui.

10 postagens depois.....

Postado por Káris , 27 abril 2010 14:35

É a minha vez de dar oi!


Oi!

Tenho milhões de planos que moram em papéis e caixas guardados pra qualquer dia desses, e sei que você também. Como diz o publicitário Walter Longo, a gente vive numa sociedade que padece de déficit de atenção, conseqüência natural do paradoxo da escolha: toda vez que eu estou fazendo alguma coisa, deveria estar fazendo outras dez, como estudar, por exemplo. Mas esse blog não é sobre o dever. Ele é feito por duas garotas pé no chão, firmes na Rocha e ambiciosas, que olham pro alto: querem viver a vida com o melhor que se pode tirar dela.
Voltando àqueles planos, vou inaugurar minha participação colocando um deles em prática. Eu te apresento o...

CINEMA EM CASA

Sabe aquele moooonte de filmes que você sempre quis ver, sempre ouviu falar, chegou até a fazer uma lista como eu, mas nunca teve chance de assistir? Pois é, eu estou criando essa oportunidade! A partir desta semana, todas às sextas feiras eu estarei aqui em casa assistindo um desses filmes (depois posto a lista completa aqui), sempre às 21h. Amigos são bem vindos, a pipoca é por conta da casa! O cardápio do mês está postado - para os amigos - no álbum do meu orkut.

Um desses filmes eu fiquei curiosa pra assistir vendo esse clipe:


Por hoje é só!

Treinamento - Atendimento ao cliente

Postado por Elisa* , 26 abril 2010 21:56


Hoje começou um treinamento de atendimento ao cliente no meu trabalho. Pontos centrais:

* Encarar a realidade traz felicidade. Diga bom dia para você mesmo, é o primeiro passo para se ter um dia bom. O ideal deve ser usado para planejamento, sem ação para concretizá-lo gera decepção, infelicidade.

* Qualidade são os pontos fortes bem aproveitados, a ponto de abafar os defeitos. Depende da situação também, exemplo simplista: eu posso ser uma ótima cozinheira (nem é verdade), mas se você precisa que eu te leve para um passeio de moto, sorry! Talvez eu faça um quitute e você desista. Se não, chame meu namorado, ele é motociclista e mal faz miojo.

* Erros podem ocorrer, claro, mas são evitáveis. Muitos ocorrem por falta de comprometimento, insegurança, arrogância, comodismo ou falta de revisões (checar).

* O que fazer:
- ter consciência que a satisfação do cliente faz parte de ciclo interminável. Há sempre um modo de aprimorar.
- ser atento aos detalhes.
- ser cabeça pensante. Não é porque o chefe mandou que você vai fazer, se não concordar ou tiver dúvidas, questione! Nada mais estúpido que fazer algo sem saber a utilidade daquilo.


Amanhã tem mais um resuminho. Se alguém quiser o contato do treinador, me escreve que passo. Recomendo!

Gulodices - Bolo

Postado por Elisa* 20:57




A Pri @pricortez passou a receita, minha mãe já fez várias vezes. Esse de hoje foi o melhor! Gostosíssimo!!! Segredos passados de mãe Lana para suas filhas:

1º) não siga a receita ao pé da letra. Sério! Inventa alguma coisa, veja o que mais tem no armário/geladeira/fruteira/despensa.

2º) confie em você e no que estou dizendo. Se é uma tentativa de fazer algo gostoso, vai ficar ótimo! Vai no feelling... Insegurança é um sinal que o bolo vai solar, ficar duro, seco ou alguém vai te criticar de tentar fazer esses "troços saudáveis, argh".








Receita norteadora:
4 ovos (você pode também colocar 3 ovos e uma colher de linhaça triturada em duas colheres de água ou leite de soja)
1 xícara de açucar mascavo (pode ser o demerara também, dizem que é até mais saudável. Ah, pode também colocar ¹/² xícara de açuçar e completá-la com frutas secas trituradas)
100g de margarina sem sal
1 xícara de aveia em flocos (nesse bolo foi colocado metade aveia, metade granola)
1 ¹/² xícara de farinha de trigo (nesse a farinha usada era integral)
1 colher (sopa) de fermento em pó
2 maças picadas (põe com casca, mais vitaminas e sabor)
3 bananas picadas (rola de tentar com outras frutas também...)

Modo de fazer:
Misture todos os ingredientes, menos as frutas.
Bata bem, adicione as frutas e o fermento.
Coloque em fôrma untada.
Polvilhe por cima uma farofa feita ¹/² colher de margarina, ¹/² xícara de açúcar, ¹/² xícara de farinha e canela a gosto.
Pré aquecer o forno.
Assar por 20 minutos aproximadamente.

Gulodices - frutas

Postado por Elisa* , 25 abril 2010 23:09


Tomei vacina tríplice (suína, aviária e comum) essa semana. Meu efeitos colaterais foram: adiantamento do período menstrual, dor de cabeça, braço tenso (só no primeiro dia) e sintomas típicos de gripe - nariz entupido, espirros. Eu, hein?








Para ajudar o momento, tento me alimentar bem. Estando em casa ataco a fruteira, que está por sinal, diferente: carambola, cajá-manga, kiwi, caqui e maças. As maças são as únicas que sempre tem aqui em casa.

Falando em comida, fiz degustação de um prato maravilhoso essa semana. Foi no Brasília Shopping, programação paralela do festival Brasil Sabor. Risoto de framboesa e cordeiro ao molho de mostardas. Maravilhoso! E a decoração do prato estava muito fofinha. Comida bonita e gostosa.

Brinde da semana

Postado por Elisa* 22:30




Gosto muito de dar presentes, se eu achar que a minha idéia é boa, gasto sem dó (tempo e dinheiro)! Pensar no que as pessoas gostariam de ganhar é prazeroso. Muitas vezes são coisas simples, com um detalhe que muda tudo. Vou postar sempre presentes/brindes/lembrancinhas que eu curtir.
O primeiro eu ganhei na inauguração da Le Lis Blanc do Iguatemi Brasília. Uma bag com tecido firme, ótima para batidão (usar todo dia). Pretinho básico, logo bonita em dourado. Logomarca tosca ninguém quer estampar. Dentro dois moleskines* chiquérrimos. Capa com acabamento matelassê, fecho com baixo relevo da flor da marca e folhas com bordas douradas. Dois lápis pretos.
Gostei bastante! Não é apenas caderninho e lápis numa sacola, tem esmero.


*Moleskine é o lendário caderno usado há mais de dois séculos por intelectuais e artistas europeus, de Vincent Van Gogh a Pablo Picasso, de Ernest Hemingway a Bruce Chatwin.

Vitrine

Postado por Elisa* 00:58








Essa semana a loja Getúlio do Brasília Shopping fez uma ação bem bacana. Uma artista (vou descobrir o nome) desenhou na vitrine vários clientes. Eles compravam, depois ficavam do lado de fora como modelos. Todo mundo passando e clicando. Eu fui uma delas.
Ela deve ter ficado com a vista bem cansada no fim do dia =P

Ainda bem que a gente muda

Postado por Elisa* , 24 abril 2010 15:12





Mais Dori no You Tube.

Minha mãe odiava cachorros, achava um nojo a relação dono babão - bichinho manhoso. Até o dia que ela conheceu a Kika. Uma shih tzu que a conquistou apenas por gostar de cara dela. Os outros cães costumavam retribuir o "ódio". Mas não foi só isso. Minha mãe estava mais aberta a idéia. Conheceu um caso que um cão ajudou uma pessoa a se livrar da depressão. Como? O cara precisava levar o bichinho para passear, acabava saindo de casa e conversando com pessoas na rua.

Hoje eu comprei a Dori, presente de aniversário e dia das mães. Para minha casa, sem crianças, ela foi perfeita. Ela é uma prova de que mudar de opinião/postura é ótimo! Pensando nisso, algumas citações:

"Para mudar o mundo você precisa antes mudar sua cabeça" Jimi Hendrix

"Eu não me envergonho de corrigir meus erros e mudar as opiniões, porque não me envergonho de raciocinar e aprender." Alexandre Herculano

Qualquer dia desses...

Postado por Elisa* , 23 abril 2010 19:22

...eu exponho o que eu faço, o que gosto, o que quero, o que achei de legal, minhas viagens (reais e imaginárias).
...você vai entrar aqui, dizer que também gosta e comigo conversar.

Beijos, Elisa.